Homeopatia confirmada como eficaz e custo-efetiva pelo Governo Suiço

O Governo Suíço regulamentou a homeopatia com base na eficácia e no seu baixo custo e é de louvar esta medida de saúde num país rico, onde os cidadãos têm altos salários e com poder de compra.

Numa sociedade cada vez mais orientada para a economia de mercado, do qual fazem parte os consumidores (doentes), a redução de custos, eficácia, utilidade e benefício de custos é de grande importância para os países analisar estes bons exemplos de gestão.

Portugal que atravessa a mais grave crise económica, e que se debate com gastos da saúde muito elevados, é de estranhar a não utilização de tratamentos bem mais económicos .

Homeopatia eficaz

Citamos:

” O conhecido médico homeopata norte-americano Dana Ullman recém publicou no site de notícias The Huffington Post um artigo em que relata que o governo da Suiça declarou que a Homeopatia não só é eficaz clinicamente como também é positivamente efetiva no custo-benefício para os sistemas de saúde.

Segundo Ullman em um artigo publicado anteriormente, o governo suíço havia conduzido uma ampla pesquisa terminada em 2006, cujos resultados foram compilados e publicados no final de 2011, que indicava a alta efetividade do tratamento homeopático, sugerindo que o mesmo induz efeitos regulatórios em células e organismos vivos e especialmente em patologias do trato respiratório superior (24 de 29 estudos), sem apresentar os efeitos colaterais dos medicamentos convencionais :

Ullman também constata que o relatório aponta uma redução em torno de 15% no custo total de um tratamento homeopático comparado ao convencional, com um grau de satisfação completa com o tratamento 10% maior (53% vs 43%); e ainda que 2/3 da população Suiça votou a favor da manutenção das CAM (Complementary and Alternative Medicines – medicinas complementares tais como Homeopatia, Acupuntura, Antroposofia) no sistema público de saúde daquele país, sendo que aproximadamente 57% da população faz uso das mesmas e em torno de 40% dos médicos suíços as praticam, além de que 62% da classe médica manifesta-se a seu favor. Seguem os links das matérias”:

Conhecemos homeopatas com competência académica e profissional que trabalham bem e honestamente em Portugal.

Infelizmente estes profissionais estão em minoria, pois a maioria resultam de formações de poucas horas, realizadas em Hoteis, com apenas intenção de venderem os produtos dos organizadores desses eventos.

Isto não dá qualquer crédito à Homeopatia que deveria ser praticada por profissionais com base académica e profissional compatível com as exigências de que esta terapia exige.

Borges de Sousa

Instituto Borges de Sousa - Lisboa
Av: António Augusto de Aguiar, nº9 -4º Lisboa, Phone: 216 092 085
Instituto Borges de Sousa - Porto
R. Alexandre Herculano 351, 2º Porto, Phone: 220 135 406